Gestão em odontologia: como dinamizar o controle financeiro do meu consultório?

Chegou a hora de se aprofunda na gestão em odontologia. Começar o ano com as finanças organizadas e em dia é o desejo de qualquer empreendedor. Mas, para isso, é preciso planejamento. Dessa forma, hoje vamos falar um pouco da saúde financeira do seu consultório.

Para você que administra um consultório odontológico, seguir uma cartilha básica de gestão em odontologia é fundamental. Neste sentido, a tão falada educação financeira precisa ser colocada em prática para o bom desempenho do estabelecimento.

E, quando falamos em saúde financeira, estamos falando em equilíbrio, independente da sua área de atuação. Para consultórios odontológicos, algumas atitudes simples podem fazer toda a diferença no futuro. Na maioria das vezes, essas ações estão relacionadas à organização. Para isso, existem ferramentas fabricadas justamente com essa finalidade.

Então, continue neste artigo e saiba como dinamizar o controle financeiro do consultório com uma boa gestão em odontologia.

Saiba como manter o controle e organização em cima dos números e rendimentos do consultório!

Lidar com números nem sempre é fácil e exige dedicação e, acima de tudo, atenção. Assim, manter um rígido controle e organização do dinheiro que entra e sai do consultório é o primeiro passo para otimizar a gestão. Dessa forma, veja algumas dicas para manter tudo em ordem em 2022:

Faça capacitações sobre o tema de gestão em odontologia

Se você administra um consultório e não delega essa função para outras (s) pessoa (s), procure se especializar sobre o assunto. Antes de desenvolver qualquer planejamento, faça cursos na área para ter noções básicas de administração.


Não precisa ser uma faculdade, mas cursos de curta e média duração ou até cursos online. O importante é ficar por dentro da área e saber as exigências financeiras do seu consultório. O ideal é você se capacitar nesse tema antes mesmo de abrir o seu negócio.

Saiba, com detalhes, a situação financeira do consultório

Mesmo se você tiver uma pessoa para te auxiliar no assunto, sempre saiba sobre todas as movimentações do consultório. Essa é a premissa de qualquer gestão em odontologia. Assim, faça levantamentos sobre:

  • Finanças diárias e mensais;

  • Despesas fixas, ou seja, que não sofrem alterações com o passar do tempo;

  • Despesas variáveis, ou seja, que sofrem modificações conforme o mês;

  • Número de pacientes regulares e novos pacientes;

  • Valores a serem recebidos;

  • Imprevistos que podem acontecer com qualquer um, como a necessidade de substituir algum equipamento;

  • Custos com manutenção;

  • Custos com equipe de trabalho e materiais;

  • Por fim, realize projeções mensais para seu consultório e, se preferir, estipule metas.

Mantenha a agenda organizada

Não se atrapalhar na hora de marcar consultas e procedimentos também influencia na saúde financeira do consultório odontológico. Dessa forma, invista em um sistema informatizado para sua organização. Outra dica é deixar um tempo extra entre uma consulta e outra.

Esse tempo pode ser de 15 minutos ou mais, dependendo do fluxo de clientes. Por fim, cumpra o horário e exija isso dos seus clientes.

Conte com um sistema de gestão em odontologia online

Manter todas as informações em um sistema dinâmico e fácil de usar é essencial para a gestão em odontologia. Por isso, a QW1 Dental pode te ajudar. Disponibilizamos um sistema integrado para clínicas odontológicas. Por meio dele, você gerencia seu consultório como um todo, incluindo a parte financeira.

São muitas vantagens, incluindo teste grátis, acesso pelo computador, celular ou tablet, sem planos de fidelidade, entre outras. Então, que tal dar uma conferida no nosso site e fazer um teste? Estamos te esperando!